Melhores lugares para viajar no Brasil: 7 lugares incríveis

Imagem panorâmica do Rio de Janeiro, mostrando a cidade e a beira da praia de Copacabana

Explorar os melhores lugares para viajar no Brasil é embarcar em uma jornada por um país de diversidade natural e cultural sem igual. Uma terra de contrastes deslumbrantes e diversidade cultural sem paralelo, é um destino que cativa viajantes de todos os cantos do mundo. 

Este país vibrante não apenas abriga algumas das mais encantadoras praias do planeta, mas também se orgulha de suas cidades pulsantes, onde a modernidade se entrelaça com tradições seculares. 

As paisagens naturais aqui variam desde a imensidão da Floresta Amazônica até os encantos únicos do Pantanal, passando pelos picos dramáticos da Chapada Diamantina e as dunas mágicas dos Lençóis Maranhenses.

Em cada destino, os visitantes encontram um mosaico de experiências, desde festivais cheios de cor e música até retiros tranquilos em meio à natureza. A culinária brasileira, uma fusão de influências indígenas, europeias e africanas, oferece uma aventura por si só, refletindo a alma do país em cada prato.

Neste artigo, vamos desbravar dez destinos que representam a essência do Brasil. De encantadoras cidades coloniais que contam histórias do passado a paraísos ecológicos que oferecem aventuras sem fim, cada local é uma descoberta, um convite para mergulhar na rica tapeçaria cultural e natural deste país extraordinário. E, claro, nossa jornada culminará na deslumbrante cidade do Rio de Janeiro, um emblema da alegria e da beleza natural do Brasil.

1. Fernando de Noronha, Pernambuco

Imagem de uma mulher mergulhando com óculos e snorkel, no mar de Fernando de Noronha

Fernando de Noronha, um arquipélago pernambucano localizado no Atlântico, é um verdadeiro santuário ecológico, onde a biodiversidade marinha e terrestre vive em perfeita harmonia. Este patrimônio natural brasileiro é mundialmente reconhecido por suas praias de beleza incomparável, como a Baía do Sancho, que regularmente figura entre as mais belas praias do mundo. 

As águas cristalinas do arquipélago são um convite irresistível ao mergulho e snorkeling, onde se pode apreciar um espetáculo subaquático de corais coloridos e uma vida marinha rica e diversificada, incluindo golfinhos, tartarugas e uma variedade de peixes tropicais.

Além do mergulho, Fernando de Noronha oferece outras atividades como trilhas ecológicas, que levam a pontos de observação de aves e vistas panorâmicas deslumbrantes. A consciência ambiental é um pilar central em Noronha, com práticas sustentáveis integradas em todas as atividades turísticas. 

O arquipélago serve como modelo de turismo sustentável, destacando-se pelo seu compromisso com a preservação do meio ambiente e a promoção de um turismo responsável e consciente.

2. Manaus, Amazonas

Imagem mostra o Teatro Amazonas, em meio a cidade de Manaus.

Manaus, situada no coração da Amazônia, é uma cidade que fascina pela sua mistura única de cultura urbana e natureza selvagem. Como a principal porta de entrada para a maior floresta tropical do mundo, a cidade oferece uma experiência inigualável de imersão na natureza, mantendo ao mesmo tempo uma rica vida cultural e histórica.

A arquitetura de Manaus é um dos seus grandes atrativos, com destaque para o icônico Teatro Amazonas, uma obra-prima da era do látex, que simboliza a riqueza e a extravagância daquela época. O teatro, com sua cúpula decorada com azulejos coloridos, é um centro cultural vital, hospedando regularmente espetáculos e eventos.

Além do Teatro Amazonas, a cidade tem mercados vibrantes como o Mercado Adolpho Lisboa, onde os visitantes podem experimentar frutas exóticas e conhecer o artesanato local. 

As excursões que partem de Manaus são uma janela para a imensa biodiversidade da Amazônia. Os lodges na selva oferecem uma experiência autêntica e sustentável, enquanto os cruzeiros fluviais permitem explorar os rios e igarapés, com a possibilidade de avistar a rica fauna local, que inclui os encantadores botos cor-de-rosa e os ágeis macacos-aranha.

3. Lençóis Maranhenses, Maranhão

Imagem dos lençóis maranhenses, em um dia de céu aberto e piscinas naturais cheias.

Um dos mais procurados destinos no Brasil, o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, localizado no Maranhão, é um espetáculo da natureza que desafia as convenções de um deserto tradicional. Este vasto terreno é composto de dunas de areia branca que se estendem por milhares de hectares, intercaladas por inúmeras lagoas de água doce, cristalinas e refrescantes, formadas pela acumulação de água das chuvas sazonais.

A paisagem dos Lençóis Maranhenses é de uma beleza estonteante, com o contraste visual entre o branco das dunas e o azul-turquesa das lagoas, criando um cenário quase surreal. Essas lagoas, como a famosa Lagoa Azul e a Lagoa Bonita, são ideais para banhos refrescantes e relaxantes após caminhadas pelas dunas. 

O parque também é um habitat para diversas espécies de peixes, aves e outras formas de vida selvagem, que se adaptaram ao seu ambiente único.

O acesso ao parque é mais comumente feito pela cidade de Barreirinhas, que serve como porta de entrada para este deserto mágico. Barreirinhas oferece uma boa infraestrutura para turistas, incluindo opções de hospedagem, alimentação e agências que organizam passeios pelas dunas e lagoas. Além disso, Santo Amaro do Maranhão e Atins são outras bases para explorar diferentes áreas do parque.

4. Ouro Preto, Minas Gerais

Imagem da cidade histórica mineira de Ouro Preto, mostrando muitas casas com arquitetura barroca.

Ouro Preto, situada em Minas Gerais, é uma relíquia viva da história colonial do Brasil, famosa por sua arquitetura barroca e rica história cultural. Este Patrimônio Mundial da UNESCO foi o epicentro da corrida do ouro brasileira no século XVIII, e hoje, suas ladeiras e ruelas de pedra contam as histórias de um passado repleto de riqueza e de movimentos culturais e políticos significativos, como a Inconfidência Mineira.

A cidade se destaca por suas magníficas igrejas barrocas, como a Igreja de São Francisco de Assis, que exibe obras de Aleijadinho e Mestre Athayde, dois dos mais importantes artistas do período colonial brasileiro. O Museu da Inconfidência e a Escola de Minas, que abriga coleções de minerais e um belo modelo arquitetônico, são outros destaques culturais.

Além de sua arquitetura e história, Ouro Preto é também conhecida pela sua vibrante culinária mineira. Pratos típicos como o feijão tropeiro, pão de queijo e frango com quiabo oferecem uma experiência gastronômica autêntica e saborosa. A cidade também sedia eventos culturais, como a Semana Santa, com suas procissões religiosas e decorações tradicionais, e o Festival de Inverno, que atrai visitantes de todo o país.

5. Cataratas do Iguaçu, Paraná

Imagem das cataratas do Iguaçu, com muitos turistas observando da ponte que fica no centro das cataratas.

As Cataratas do Iguaçu, localizadas em Foz do Iguaçu no Paraná, são uma das maravilhas naturais mais espetaculares do planeta, atraindo visitantes de todo o mundo. Consistem em aproximadamente 275 quedas d’água no Rio Iguaçu, com a Garganta do Diabo sendo a mais famosa e impressionante delas. Este espetacular conjunto de cachoeiras, situado em um cenário de exuberante floresta tropical, foi declarado Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO.

Além das cataratas, Foz do Iguaçu oferece uma variedade de outras atrações. O Parque das Aves é um santuário ecológico que abriga uma diversidade de espécies de aves, borboletas e outros animais, permitindo aos visitantes uma experiência imersiva na natureza. 

Outro ponto de interesse é a Usina Hidrelétrica de Itaipu, uma das maiores usinas hidrelétricas do mundo, compartilhada entre Brasil e Paraguai, e que oferece tours educativos sobre energia sustentável e a história da região.

A localização de Foz do Iguaçu, na tríplice fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai, acrescenta um elemento internacional à viagem, possibilitando aos visitantes explorar culturas e tradições diversas em uma única viagem. A região também oferece uma rica e diversificada experiência gastronômica, que reflete as influências culturais dos três países.

6. Salvador, Bahia

Imagem das casa e prédios coloniais, coloridos, do Pelourinho.

Salvador, a capital da Bahia, é um verdadeiro caldeirão cultural do Brasil, conhecida por sua rica história, influências africanas, música vibrante e festividades coloridas. Como a primeira capital do Brasil, Salvador ostenta um impressionante centro histórico, o Pelourinho, repleto de edifícios coloniais bem preservados, igrejas barrocas e ruas de pedra, que são um testemunho vivo da história brasileira.

A música é um dos pilares da cultura de Salvador, com a cidade sendo o berço de estilos musicais como o axé e o samba-reggae. O carnaval de Salvador é um dos mais famosos do mundo, atraindo milhões de pessoas para as suas ruas com trios elétricos, dança e música ao vivo.

Além da música e da arquitetura, Salvador é conhecida por suas praias urbanas, como a Praia do Porto da Barra e a Praia do Farol da Barra, que oferecem belas vistas e águas convidativas. A cena artística da cidade é igualmente vibrante, com galerias de arte, teatros e espaços culturais que apresentam desde arte contemporânea até tradições afro-brasileiras.

A culinária de Salvador é outro ponto alto, refletindo a mistura de influências africanas, indígenas e portuguesas. Pratos como moqueca baiana, acarajé e vatapá são exemplos da rica gastronomia local, que utiliza ingredientes tropicais e sabores intensos para criar uma experiência culinária única.

7. Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

Imagem panorâmica da cidade do Rio de Janeiro no entardecer, mostrando a Baía de Guanabara, parte da cidade e o Pão de Açúcar.

O Rio de Janeiro, frequentemente chamado de “Cidade Maravilhosa”, é uma metrópole vibrante que oferece uma combinação única de beleza natural e riqueza cultural. As praias mundialmente famosas, como Copacabana e Ipanema, são o cenário perfeito para relaxar, praticar esportes ou simplesmente observar o movimento da cidade. Essas praias são emolduradas por impressionantes montanhas e abertas para o vasto Oceano Atlântico, criando um espetáculo visual inesquecível.

Além das praias, o Rio é lar de ícones culturais emblemáticos. O Cristo Redentor, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno, se ergue no topo do Corcovado, oferecendo vistas panorâmicas da cidade. O Parque Bondinho Pão de Açúcar, outro símbolo do Rio, proporciona uma jornada cênica até o pico de um dos muitos morros graníticos da cidade, oferecendo uma vista deslumbrante da Baía de Guanabara e das praias urbanas.

Logo, o Parque Bondinho Pão de Açúcar irá adicionar mais uma atração à experiência dos visitantes: uma tirolesa. Esta atividade oferecerá uma maneira única e emocionante de apreciar a paisagem urbana do Rio, a Baía de Guanabara e o vasto Oceano Atlântico, combinando aventura com as deslumbrantes vistas naturais da cidade.

O Rio de Janeiro também é conhecido por sua vibrante cena cultural, que inclui samba, bossa nova, e uma efervescente vida artística e gastronômica, refletindo a diversidade e a energia desta metrópole brasileira. Visitar o Rio de Janeiro é uma experiência envolvente, que cativa todos os sentidos com suas belezas naturais, patrimônio cultural e dinamismo urbano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos posts

Descubra as maravilhas do ecoturismo no Rio de…
O turismo sustentável se consolida como uma necessidade…
Você já ouviu falar em ecoturismo? Essa atividade,…

Você pode gostar também

Monumento mais icônico do Brasil, símbolo do país…
Os patrimônios culturais do Brasil são repletos de…
No momento de programar uma viagem ao Rio…
Ao fazer as malas para viajar ao Rio…